terça-feira, 8 de abril de 2008

Moção de Apoio de Claudiomar "Maranhão" Filho

Prezados amigos estudantes,

Hoje a revolta e a indignação se fizeram presente de maneira ainda mais forte no meu coração. Hoje, pela internet, obtive acesso as imagens do espancamento vil e covarde a que foi submetido o nosso amigo Flávio da geologia, que há muito tempo habituei a chamá-lo de Bisteka. Pela primeira vez não vi o Bisteka sorrindo ou dando risada sobre algo banal, mas pude ver nos seus olhos o pavor de estar sendo espancado, enquanto era segurado (portanto sem capacidade de defesa), por um grupo de covardes que supostamente deveriam zelar pela nossa segurança na UnB. Ver um estudante da UnB sendo espancando como um rato em rede nacional foi algo que realmente me entristeceu.

Gostaria de fazer um apelo a todos os participantes do protesto para que primem pela moderação e assim fatos como esse possam não ocorrer novamente e também expressar a minha indignação com o ocorrido.Gostaria também de parabenizar a condução do movimento como está sendo feito até agora. Fico apenas chateado que não possa estar aí, presente, como várias vezes já estive em diversos atos na reitoria em que, mesmo possuindo um posicionamento totalmente diferente do da maioria das pessoas com quem militei, sempre buscavam melhorias em pontos consensuais, quais sejam: Maiores investimentos em assistência estudantil, defesa da universidade pública e paridade nas eleições. Sei que por diversas vezes já fui incisivo e por vezes até desrespeitoso com várias pessoas que aí estão lutando por nossa universidade, notadamente o Fábio Felix e a Luíza Oliveira (e até peço desculpas se possível), mas o momento é de união de todas as ideologias diferentes para que nossa universidade saia desse momento de apatia e diga um não a lixeiras de 1000 reais e a canetas Mont Blanc, enquanto não temos papel higiênico nos banheiros. Fica o meu pedido final de não deixar com que brigas políticas e/ou partidárias atrapalhem o nosso movimento.

Força! Força, bravos amigos! Continuem lutando! A sociedade civil está do nosso lado! Que a UnB volte às manchetes em papel de vanguarda em pesquisa e desenvolvimento e não mais nas páginas policiais!

Claudiomar "Maranhão" Filho

Social Democrata, Neoliberal, recém-formado em Relações Internacionais na UnB e militante "aposentado" da UnB

Abraços Maranhenses

Nenhum comentário: