quinta-feira, 17 de abril de 2008

Assembléia Geral dos Estudantes Quinta-Feira, 17 de abril

ASSEMBLÉIA DOS ESTUDANTES
HOJE,

QUINTA-FEIRA, 17 DE ABRIL, AS 12hs NA REITORIA

O movimento de ocupação dos estudantes optou por adiar a decisão sobre a desocupação ou não do prédio da Reitoria. A decisão foi tomada em assembléia realizada, a partir das 12h de quarta-feira, dia 16, no térreo da Reitoria.

O tema será abordado em um novo encontro agendado para quinta, dia 17, no mesmo horário e local. Foram 124 votos favoráveis à suspensão da pauta contra 107 que queriam deliberar sobre o assunto e dez abstenções.

As reivindicações do Movimento de Ocupação trabalham em duas frentes: uma pela queda da gestão autoritária e corrupta que estava instalada, e outra pela redemocratizacao da Universidade. A primeira está sendo conquistada. A segunda, que contempla as outras 17 pautas do movimento, é encabeçada pela luta da paridade, já que só é possível se discutir democracia democraticamente. Mais detalhes na postagem abaixo.


5 comentários:

vsimoes disse...

Agora é um momento decisivo. Eu tenho certeza de que, até o momento, a principal razão que levou centenas de estudantes a se juntar a outras centenas na Ocupação da UNB foi a luta pela moralização da política. Entretanto, como os próprios estudantes da UNB disseram, de nada adianta ficar só nisso: Enquanto tivermos uma estrutura vertical e autocrática de escolha de dirigentes, teremos atacado apenas o sintoma e não a causa da doença.

Por causa disso vi como muito positiva a luta pelas eleições paritárias para reitor, e a luta por um congresso estatuinte também paritário. Acompanhei ansiosamente cada dia dessa ocupação, gravei seus vídeos, fiz clipping das suas matérias, passava o dia inteiro pensando na assembléia e todas as noites ficava cobrando informações do pessoal da rádio e tudo isso por que, na minha opinião, a Ocupação da UNB tinha tudo para ser o estopim do movimento estudantil no ano de 2008.

Por causa disso é com muito pesar que vejo que, agora que o reitor e o vice foram exonerados, o movimento perde força. Mesmo por que eu acreditava que ele podia alcançar conquistas ainda maiores, que o movimento poderia avançar ainda mais.

Espero entretanto que esse esvaziamento seja temporário e que esse recuo seja estratégico. De mais a mais continuo torcendo por vocês.

Um abraço,
Vinícius Morais Simões

FanFan disse...

Mais fotos e textos em frances
http://reactionashow.blogspot.com
http://www.flickr.com/photos/23016490@N07/

qqqqqq disse...

Não ficou claro no texto e gostaria de esclarecimento. Foi votado o abandono da pauta e a maioria dos participantes, 124, votaram a favor de seu abandono e mesmo assim será realizada outra assembléia? Isso não iria contra discutir democracia democraticamente(sic)?
Agradeço desde já.

Ziggy disse...

Não sei não.
Ouvi dizer que o PSOL é quem planejou e executou todo esse movimento. Apesar de não acreditar nisso, pois esse partido não possui tamanha força nem influência política suficiente. Creio que tudo não passa de um movimento de interresse politico, mesmo concordando em parte.

De outra forma, acho difícil dos estudantes conseguirem atingir seus proximos objetivos. Pois trata-se de lei federal, a garantia de que os professores possuam 70% da cota para a eleição dos respectivos reitores das universidades.A não ser que o presidente LULA, encaminha uma MP para o Senado, como ele está acostumado a fazer.

qqqqqq disse...

Onde escrevi "abandono" leia "suspensão".